o que não fazer em aeroportos

Veja 5 dicas do que não fazer em aeroportos

Muitas pessoas não sabem o que não fazer em aeroportos mesmo frequentando as pontes aéreas frequentemente. Há hábitos que adquirimos que, às vezes, nem percebemos que incomodam os outros ou que não são adequados para o ambiente ou para a situação. Será que você faz alguma coisa assim e não sabe?

Pensando nisso, hoje eu trouxe 5 manias que você não pode ter para gabaritar o manual de bons modos em aeroportos. Que tal se inteirar sobre eles e exclui-los dos seus costumes, se for o caso? Continue lendo e descubra!

1. Não bloqueie a esteira da bagagem

Você fez um voo longo, internacional, passou horas aguardando o momento de chegar em casa e aí quando vai pegar as malas é aquela leve trombada aqui, outra cotovelada para lá… Superdesconfortável, concorda? Você nem consegue ver se a sua mala está na esteira.

Espere as suas malas chegarem a alguns passos da esteira, assim você deixa a visão livre para os outros e não tumultua o ambiente. Mesmo na pressa, essa atitude beneficia todo mundo. Aproxime-se da esteira apenas na hora de pegar a sua mala: todos agradecem.

Não deixe suas malas no caminho

Outro erro crasso é deixar as malas jogadas em qualquer lugar ou simplesmente abandoná-las e fazer outra coisa. Essa não é uma questão apenas de organização, mas também de segurança. Carregue sua mala para onde você for ou peça para alguém olhar, caso seja uma saída rápida ao banheiro, por exemplo.

2. Não seja grosso com a equipe do aeroporto

Não importa o quão ruim tenha sido seu dia ou o quão errado as coisas possam ter dado: ninguém no aeroporto tem culpa disso. Não seja esse tipo de passageiro. Mesmo que você esteja nervoso, mantenha o tom calmo e fale de igual para igual, usando o máximo da sua educação com as pessoas que estão prestando serviço para você.

Não seja “engraçadinho”

Não seja a pessoa que faz piadas sobre homens-bomba, armas, drogas, terrorismo e afins, enquanto passa pelo detector de metais e/ou coloca a sua bagagem de mão no raio-X.

Segurança não é piada. Além de ser um desserviço para os colaboradores que ouvem esse tipo de coisa, ainda pode causar muito dor de cabeça caso você precise se explicar. Evite problemas no seu embarque.

3. Não carregue objetos metálicos

Você já sabe que vai passar por um detector de metais, então, que tal agilizar a vida de todo mundo e deixar os itens de metal fora do seu corpo? Correntes, chaves, jaqueta cheia de rebites, cinto, sapatos difíceis de tirar, enfim: tudo isso faz as pessoas esperarem. Pensando nisso antes, você economiza seu tempo e os demais passageiros.

4. Não comece uma fila no embarque

É uma cena bastante comum a formação de uma fila no portão do embarque, mas o motivo é desconhecido. É desnecessário, afinal, os lugares no avião são marcados, então a ordem de chegada não importa. Além disso, o voo não sai antes da hora, então, a entrada na aeronave só vai começar no horário previsto. Aproveite seu tempo para outras coisas.

5. Não durma profundamente

Eu entendo que o cansaço bate e as pessoas dormem onde veem oportunidade para tal. Entretanto, isso pode causar um grande problema: você pode perder a hora do voo e ter que explicar que tirou uma soneca. Além disso, as cadeiras e corredores dos aeroportos são desconfortáveis.

Muitas das soluções sobre o que não fazer em aeroportos se resolve com uma simples ação, como ir preparado para o detector de metais, alugar uma cabine para deixar suas malas em segurança e poder dormir tranquilo etc. Basta você ter um pouquinho de boa vontade que consegue evitar transtornos para você, para a equipe do aeroporto e para os demais passageiros.

Para tornar sua viagem ainda mais produtiva, saiba, agora, como ganhar tempo em aeroportos!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Artigos relacionados

1 Comentário

    Fale o que você pensa

    Translate »